TOYOHASHI CITY > Cidade de Toyohashi > Estações do Ano e Festivaisfest

Estações do Ano e Festivaisfest

Vestígio do Castelo Yoshida

Aproximadamente 10.000 anos atrás, as pessoas adoravam os deuses da natureza e através das palavras mágicas, tentavam se livrar dos desastres. Aproximadamente 2.000 anos atrás, começou a vida agrícola, e com isso estabeleceu-se o ritual de agradecimento das boas colheitas.

Com o passar do tempo, o deus da natureza, foi transformado para o deus que defende a família e terrenos dos adversários ou dos desastres da natureza.

Enquanto certos rituais mantinham relação amigável entre os deuses e as pessoas, como nos tempos remotos, outros rituais mudaram a sua forma para expressar algo, como no caso dos fogos de artifício.



Primavera

São realizados vários eventos no princípio do mês de abril. As pessoas podem se divertir apreciando as flores das cerejeiras na praça Mukaiyama Ryokuchi ou no Parque Toyohashi, onde encontram-se aproximadamente 1000 pés de SOMEIYOSHINO (espécie de cerejeira mais conhecida no Japão). E ao anoitecer, se encantarem sob a claridade das luzes de CHOCHIN (lanterna de papel), apreciando as flores das cerejeiras noturna.

Vestígios de URIGO

No princípio do mês de junho, no KAMO SHOBU EN (plantação de íris-aromático) começam a desabrochar as flores de íris, atraindo muitas pessoas para a sua apreciação. No meado de julho, há a apresentação dos fogos de artifícios, típicos da região de MIKAWA, “OO TEZUTSU HANABI” (é um tipo de fogo de artifício que durante a sua apresentação, a pessoa fica segurando a tocha com pólvoras até terminar de queimar), é oferecida para o Deus no templo Yoshida. Nas margens do rio Toyogawa, são lançados variados tipos de fogos de artifícios que divertem grande números de espectadores.

MAESHIBA NO TOMYODAI(Farol de Maeshiba)

Desde 1954, no meado de outubro, a população da cidade toda, jovens e idosos, se divertem participando do festival de Toyohashi. São apresentados vários eventos como desfile de carnaval, dança de TON TON, concursos, Shimin So Odori, o paraíso das artes plásticas das crianças.

Igreja Ortodoxa Haristos de Toyohashi

No dia 10 e 11 de fevereiro, é realizado ONI MATSURI, (ONI=demônio) um dos festejos excepcionais, considerado como importante patrimônio cultural intangível do país. Tem a sua origem por volta de mais de 1000 anos atrás e faz parte do ritual tradicional que reza pela paz, segurança e boas colheitas no território do domínio do templo shintoísta.